Nota de repúdio ao assassinato de liderança do MST no Rio de Janeiro

Cícero Guedes: presente!

As organizações e movimentos sociais da América Latina, Caribe e Europa que estão participando da Cúpula dos Povos em Santiago do Chile, de 25 a 27 de janeiro, gostariam de manifestar seu mais enérgico repúdio ao assassinato do companheiro Cícero Guedes, dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), no estado do Rio de Janeiro, Brasil.

Cícero, de 54 anos, ex-trabalhador da cana-de-açúcar, foi encontrado na sexta-feira (26/01) morto com dez tiros na cabeça, o que demonstra novamente a impunidade com que se movem pistoleiros a serviço dos interesses dos latifundiários brasileiros.

Fazemos um forte chamado às autoridades brasileiras competentes para que investiguem o caso e detenham os autores materiais e intelectuais deste novo crime contra os movimentos sociais que continuam lutando por este outro mundo possível.

Mais uma vez perdemos um jovem dirigente por causa da repressão. Isto deve nos chamar a atenção para a necessidade de seguir exigindo o fim da criminalização das lutas sociais e populares que acontecem em nossos países.

Companheiro Cícero: Presente! Agora e sempre!

¡Hasta la Victoria, Siempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 9 =