Eixos de Trabalho

Mulheres, Economia e a Luta pelo Comum

Produz e analisa experiências a partir das reflexões da Economia Política Feminista, isto é, partindo da crítica às relações entre economia, poder político e patriarcado.  As iniciativas deste eixo são inspiradas pelo feminismo comunitário, cujo projeto se centra na conquista de direitos coletivos e no Bem Viver, tendo o território como balizador de identidade e memória comuns. 

Comprometida com a criação de alternativas ao modelo hegemônico de desenvolvimento, machista, racista e capitalista, esta linha programática é responsável por promover formações, dar apoio às agendas de luta das mulheres, prestar assessoria às experiências agroecológicas solidárias em meio urbano, construir processos cartográficos que evidenciem as relações de poder e opressões vividas, além de apoio à mobilização e auto-organização política local.

São cinco os principais temas deste eixo:

  1. Feminismo Comunitário, Bem Viver e Bens Comuns;
  2. Megaprojetos, impactos socioambientais e patriarcado;
  3. Agroecologia e Soberania Alimentar;
  4. Economia Solidária e Feminista;
  5. Corpos-territórios.

O eixo “Mulheres, Economia e Luta pelo Comum” é, portanto, o reflexo programático da necessidade permanente que o Instituto PACS possui de orientar sua atuação pela perspectiva das mulheres com forte vínculo territorial e comunitário, na luta pelo comum e a defesa do bem viver.

O eixo “Mulheres, Economia e Luta pelo Comum” é, portanto, o reflexo programático da necessidade permanente que o Instituto PACS possui de orientar sua atuação pela perspectiva das mulheres com forte vínculo territorial e comunitário, na luta pelo comum e a defesa do bem viver.

Sobre esse eixo de trabalho, indicamos que acesse: todos os materiais referentes ao Curso “Mulheres e Economia”, as páginas da Articulação Nacional e Estadual de Agroecologia, a página da Militiva, a série “Semeando Socioeconomia”, e todas as publicações referentes às categorias “Educação Popular” e “Mulheres” na Biblioteca Berta Cáceres.